Banco do Nordeste amplia em 82% investimentos no agronegócio do Maranhão

O segmento produtivo recebeu R$ 2,7 bilhões em financiamentos em 2022 O Banco do Nordeste anunciou quinta-feira, 19, marca recorde de aplicações de crédito no Maranhão ao alcançar o volume total de R$ 5,3 bilhões em operações contratadas com todos os segmentos produtivos do estado em 2022.

O montante é mais que o dobro do realizado em 2021, quando foram financiados R$ 2,35 bilhões com empreendimentos maranhenses. O destaque, segundo a instituição financeira, foi a evolução no apoio ao agronegócio, que recebeu o total de R$ 2,7 bilhões, registrando alta de 82% se comparado ao ano de 2021. A marca histórica de contratações com o agronegócio revela o crescimento no apoio a produtores rurais de todos os portes, especialmente a agricultura familiar de subsistência e os pequenos negócios do campo.

Dentre as atividades financiadas, estão o cultivo de soja, milho e hortaliças, a fruticultura, a pecuária e a inovação produtiva, que inclui a aquisição de placas solares para minigeração de energia para os empreendimentos produtivos, projetos de irrigação, drones, aviões agrícolas com alta tecnologia para pulverização e outros mecanismos para potencialização da atividade rural. No setor urbano maranhense, o Banco do Nordeste também registrou incremento nos financiamentos realizados. As micro e pequenas empresas (MPE) foram responsáveis por R$ 444 milhões do total emprestado pela instituição financeira em 2022, 21% a mais do que o realizado em 2021 no estado.

Já com os microempreendimentos urbanos, inclusive os informais, atendidos pelo programa de microcrédito Crediamigo, o volume de aplicações chegou a R$ 1,37 bilhão, em mais de 347 mil operações de crédito. “É muito relevante avaliarmos a enorme abrangência dos recursos financiados pelo Banco do Nordeste, o que gera impacto nas diversas cadeias produtivas do Estado.

O crescimento recorde de recursos direcionados ao campo, o volume aplicado junto às MPEs e, destacadamente, o apoio aos microeempredimentos urbanos comprovam a força e o significado que a atuação do BNB tem na transformação de vidas a partir do crédito produtivo, da geração de oportunidades de negócios, de ocupação e de renda”, avaliou o superintendente estadual do Maranhão, Danivan Borges Lacerda. Área de atuação Em toda a área de atuação do Banco do Nordeste — Região Nordeste e parte dos estados de Minas Gerais e Espírito Santo, foram contratados R$ 46 bilhões de janeiro a dezembro de 2022, montante 10% maior do que o realizado no ano anterior.

O valor foi contratado em cerca de 4,1 milhões de operações. Os negócios realizados em 2022 foram alavancados, especialmente, pelas operações realizadas com o Fundo Constitucional de Financiamento do Nordeste (FNE), que respondeu por R$ 32,25 bilhões contratados diante dos R$ 25,9 bilhões de 2021. O aumento foi possível devido ao aporte extra de R$ 5 bilhões realizado em setembro. Já em desembolsos – momento em que as empresas e pessoas físicas recebem os valores contratados em empréstimos e financiamentos para alavancar seus negócios, foram realizados R$ 49 bilhões pela instituição financeira em todo o ano de 2022, um aumento de 23,5% na injeção de recursos na economia, na comparação com o exercício anterior. “Esses R$ 49 bilhões marcam o resultado econômico que deverá ter impacto no resultado financeiro, mas o que mais nos interessa é o social, o impacto disso na vida das pessoas, foram muitos mais milhões adicionais nesse período, que incrementaram mais ainda a geração de emprego, renda e impostos.

Josué de Castro, referência na busca de soluções para a questão da fome e da pobreza, dizia que o desenvolvimento só acontece se chegar nas pessoas. É esse tipo de desenvolvimento que o Banco do Nordeste persegue”, afirma o presidente da Instituição, José Gomes da Costa.

📍Rua Bom Futuro, 455 – Centro, Imperatriz – MA, 65903-150
☎ Fone: 99. 2101-2626
☎ 99. 2101-2612
✉ Mande um e-mail para nós:
cdlimperatriz@cdlimperatriz.org.br